--> ?> Conheça as opções de cartão para negativado e como solicitar
Home » Cartão para negativado: veja as opções disponíveis e como conseguir

Cartão para negativado: veja as opções disponíveis e como conseguir

cartão para negativado

O cartão de crédito é, de longe, a forma de pagamento mais utilizada do Brasil. Isso por conta da praticidade, vantagens e benefícios. Para você ter uma ideia, são mais de 150 milhões de cartões ativos no Brasil, aproximadamente três cartões para cada quatro habitantes. O legal é que mesmo quem está com restrições ao crédito ou problemas financeiros pode ter acesso ao serviço. Ou seja, é possível conseguir cartão para negativado, com ótimas opções no mercado.

Em geral, há uma infinidade de cartões de crédito para negativado com limite. No entanto, essa aprovação passa por análise das instituições financeiras. São verificados, por exemplo, seu score junto à Serasa, entre outras dívidas inscritas no seu nome. Isso vai definir o aceite do pedido e até o valor de limite do cartão. Para quem está negativado, há algumas barreiras para obter o cartão, mas é plenamente possível, há opções bem acessíveis.

Vamos mostrar como e as melhores alternativas de cartão de crédito para negativado neste post. Confira!

Leia também: É possível solicitar empréstimo pessoal para negativado? Saiba aqui

É possível fazer cartão de crédito com o nome sujo?

A resposta mais curta e objetiva para essa pergunta é: sim! Porém, como falamos anteriormente, é importante ressaltar que a solicitação de cartões é um momento de análise nas instituições financeiras. Afinal, cartões são uma das maneiras de se ter acesso a crédito. Em outras palavras, as empresas que emitem cartões precisam considerar o risco de inadimplência por parte dos clientes. Nesse caso, são mais rigorosas no momento de cadastro e análise da solicitação.

Por outro lado, existem bancos e financeiras que têm decidido facilitar o processo. Assim, dispensam a consulta ao Serasa e ao SPC, por exemplo. Além disso, também não exigem que os clientes apresentem comprovação de renda.

Quando uma instituição financeira aprova um cartão para negativado, são levados em consideração outros fatores. Às vezes, a aprovação pode vir pelo fato do cliente ter um score de crédito alto, por exemplo. Mas também pode ser que a instituição financeira ofereça um cartão consignado ou até mesmo um cartão pré-pago.

Portanto, se você precisa de um cartão para negativado, o primeiro passo é escolher a melhor opção para a sua necessidade. Em seguida, aguardar pela aprovação da instituição financeira.

Leia também: O que é cartão consignado? Tudo o que você precisa saber

Cartão para negativado: veja as opções

Como já falamos, quem está no vermelho precisa entender que pelo fato da situação financeira ser delicada, algumas portas se fecham nas instituições financeiras. Então é mais indicado realizar a contratação de um cartão que tenha a aprovação facilitada. Inclusive, há opções de cartão de crédito para negativado aprovado na hora, ou cartão de crédito para negativado autônomo.

Dessa forma, os clientes acabam recorrendo principalmente a duas alternativas: o cartão de crédito consignado e o cartão pré-pago. Vamos detalhar as duas aqui.

Cartão de crédito consignado

O cartão de crédito consignado é uma boa opção para clientes que tenham renda mensal fixa garantida. Na prática, o cartão consignado funciona como um convencional. É possível usar o cartão para compras, pagamentos e contratação de serviços tanto presencialmente quanto pela internet. Mas a vantagem mais atraente fica por conta das taxas de juros bem mais baixas em relação ao cartão tradicional.

A principal diferença entre o cartão consignado e o cartão convencional é na forma de pagamento. O valor mínimo da fatura do cartão consignado é descontado automaticamente do contracheque ou benefício do cliente todos os meses. Ou seja, o cliente não consegue escolher pagar ou não, porque o contrato prevê esse desconto automático. O restante da fatura precisa ser pago por fatura ou outra forma de pagamento no banco, do mesmo jeito que se faz com os cartões convencionais.

Caso o cliente não efetue o pagamento, o valor acumula para o mês seguinte e será acrescido de cobranças adicionais como juros e multa.

Quem pode solicitar

Os clientes que podem solicitar um cartão de crédito negativado estão divididos nos seguintes grupos:

  • Servidores públicos federais (SIAPE), estaduais e municipais;
  • Militares das forças armadas;
  • Aposentados do INSS;
  • Pensionistas da Previdência Social;
  • Trabalhadores do setor privado em regime CLT. Mas desde que a empresa que assina a carteira tenha convênio com a instituição financeira.

Ficou interessado pelo cartão consignado? Procure a sua instituição financeira para fazer o seu!

Cartão pré-pago

Além do cartão de crédito consignado, há outra alternativa bem interessante para negativados: o cartão pré-pago. Diferentemente de outros cartões, o cartão pré-pago não é uma modalidade de crédito. Isso porque o cliente que usa o pré-pago não utiliza o dinheiro do banco antecipadamente. Ou seja, caso queira usar o cartão, ele precisa necessariamente colocar crédito no cartão antes de usar. Assim como um plano pré-pago de celular, por exemplo.

Mas, para alegria dos clientes, o funcionamento dele é similar ao dos cartões de crédito. É possível usar o pré-pago para realizar pagamentos que só estão disponíveis para cartões de crédito (e não de débito). O cartão pré-pago tem uma aprovação muito mais fácil. Afinal, oferecendo um cartão pré-pago o banco elimina o risco de atrasos ou inadimplência, e você passa a contar com a vantagem de poder usar um cartão de crédito.

Por que é mais difícil fazer cartão de crédito com o nome sujo?

Agora você já conheceu duas alternativas muito acessíveis para de cartão para negativado. No entanto, a dica é tentar limpar o nome aos poucos, renegociando dívidas e, assim, ter acesso a uma aprovação mais facilitada nas instituições financeiras. Mas porque é mais difícil ter cartão de crédito com o nome sujo? Vamos explicar.

Quem paga

Quando um cliente realiza um pagamento com o cartão de crédito, não é pago nada do seu bolso. Quem paga a conta, em um primeiro momento, é a instituição financeira que mantém cartão. Em outras palavras, o dinheiro que é destinado ao pagamento das suas compras não vem do cliente, e sim, do banco. O usuário só vai pagar a conta na hora da fatura mensal do cartão, emitida no mês seguinte.

É só aí que o cliente “devolve” o pagamento para a administradora do cartão. Enquanto a fatura não for paga, o cliente ainda não pagou pelo uso do cartão. Na prática, o uso do cartão de crédito acaba funcionando como se fosse um tipo de empréstimo. Afinal, o cliente usa um dinheiro que não é seu e só paga por isso depois.

Riscos envolvidos

O problema é que existe a possibilidade de o cliente não honrar com o compromisso e não realizar o pagamento da fatura. Esse é um risco que as instituições financeiras correm ao oferecerem cartão de crédito. Por isso, elas tentam se proteger com contratos que incluem multas e juros em caso de atraso ou inadimplência.

E é exatamente pelo risco do pagamento não ser feito que muitas empresas não liberam o cartão para negativado. Afinal, quem está negativado tem uma chance maior de não conseguir realizar pagamento e fazer a instituição financeira ter prejuízo.

Leia também: Veja se é possível fazer empréstimo com o cartão de crédito

Esperamos que você tenha gostado de saber mais sobre cartão para negativado. Se você conhece alguém que está no vermelho e precisa de um cartão, compartilhe este artigo! E acompanhe mais conteúdos do blog Na Sua Conta!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.